SEJA BEM VINDO
MENU

Coberturas Responsabilidade Civil Profissional

Custos de Defesa:

Todas as despesas razoáveis e necessárias para a defesa do Segurado administrativamente e/ou judicialmente em decorrência de uma Reclamação decorrente de um Ato Danoso, incluindo, mas não se limitando a honorários advocatícios, despesas processuais, depósito recursal e caução judicial. Não estão amparados nos Custos de Defesa os honorários advocatícios despendidos quando o próprio Segurado estiver no polo ativo da demanda judicial ou reclamação administrativa, bem como remuneração de Empregados ou de sócios/acionistas ou diretores do Segurado.

Dano Ambiental:

É a ocorrência de danos efetivos ou potenciais para a saúde humana, o equilíbrio ecológico, a manutenção da vida de espécies da fauna e flora decorrentes da descarga, despejo, vazamento, liberação, disposição, lançamento ou escape efetivo, na água, no solo ou na atmosfera, de substâncias, matérias, ruídos ou energia, em desacordo com os padrões ambientais estabelecidos na  legislação, bem como pela prática por parte do Segurado de atividades não autorizadas ou não licenciadas pelos órgãos ambientais competentes, incluindo mas não se limitando ao transporte, produção, tratamento e armazenamento de substâncias potencialmente capazes de causar referido dano.

Dano Corporal:

Dano caracterizado por uma lesão física à integridade do corpo humano, seja por doença, falecimento ou qualquer outro dano à integridade física, mesmo que derivem de colapso nervoso ou doença mental. Não estão compreendidos na definição de Dano Corporal os danos decorrentes de acidente de trabalho.

Danos Materiais:

Toda alteração de um bem tangível ou corpóreo que reduza ou anule seu valor econômico, como, por exemplo, deterioração, estrago, inutilização, destruição, extravio, furto ou roubo. Não se enquadra neste conceito a redução ou a eliminação da expectativa de lucros ou ganhos.

Danos Morais:

Lesão, praticada por outrem, ao patrimônio psíquico ou à dignidade da pessoa, ou, mais amplamente, aos direitos da personalidade, causando sofrimento psíquico, constrangimento, desconforto e/ou humilhação, compreendendo eventuais danos estéticos, entendidos como a alteração duradoura ou permanente da aparência externa da pessoa, causando-lhe redução ou eliminação de padrão de beleza. Não estão compreendidos na definição de Dano Moral os danos decorrentes de relações de trabalho.

Danos Sociais:

Modalidade de dano causado à coletividade por comportamentos socialmente reprováveis, que são entendidos como prejudiciais ao nível coletivo de tranquilidade.

Direitos Autorais:

É um conjunto de prerrogativas conferidas por lei à pessoa física ou jurídica criadora da obra intelectual, para que ela possa gozar dos benefícios morais e patrimoniais resultantes da exploração de suas criações, incluindo, mas não se limitando à propriedade intelectual e industrial que possam legalmente existir. Todos as coberturas mencionadas acima são exemplificadas, pois cada seguradora tem sua própria condições gerais.